Sedação Consciente

O que é sedação consciente com óxido nitroso?

A sedação consciente consiste num método realizado com um aparelho específico que liberta óxido nitroso (N2O2) e oxigénio (O2). Por muito tempo, o N2O2 foi o principal meio de sedação em Medicina Dentária. Desde há muitos anos que é utilizado com muita frequência em diversos países (EUA, Inglaterra, Finlândia, Canadá, Brasil, Islândia, etc.).
É um processo muito seguro em que o paciente recebe 50-70% de O2 (o ar que respiramos tem apenas cerca de 21% de oxigénio) e uma percentagem de N2O2 de 30-50%. O N2O2 é um gás incolor, com odor e sabor suavemente adocicados. Não é inflamável, nem irritante ou tóxico. O gás é administrado em conjunto com o oxigénio através de uma máscara nasal, sendo essencial uma respiração pelo nariz para o gás poduzir o seu efeito. A combinação dos gases provoca uma leve e estável sedação do paciente, mas não o deixa a dormir.

Vantagens da sedação consciente

  • Tranquiliza o paciente de forma rápida e segura, tornando-o relaxado;
  • Diminuí a sensibilidade à dor durante o procedimento e provoca uma maior tolerância do paciente para longos procedimentos. Contudo, este método não dispensa o uso de anestésico local durante o atendimento odontológico;
  • Promove um início de ação e recuperação rápidos, permitindo ao paciente um retorno às atividades normais rapidamente;
  • Não provoca qualquer problema a doentes cardíacos e/ou hipertensos, diminui a frequência cardíaca e a tensão arterial;
  • Muito segura com mínimo risco à saúde e à vida do paciente.

A quem se dirige e em que situações?

  • Adultos e crianças com mais de 2 anos nos mais diversos tratamentos dentários
  • Pacientes com muito medo da dor e/ou com níveis de ansiedade elevados
  • Crianças muito pouco colaborantes
  • Doentes com deficiências intelectuais
  • Cirurgias de maior complexidade
  • Pode ser usado em hipertensos e diabéticos

Sinais e sintomas da sedação

  • Sensação de dormência nos pés e mãos inicialmente e, posteriormente, direcionada para as pernas e braços;
  • Sensação de formigamento nos lábios, língua, palato e bochecha;
  • Pode apresentar espasmos palpebrais, grande sorriso e voz anasalada;
  • Experimenta sensação de relaxamento, redução da sensação de ansiedade e medo;
  • Ocorre a ampliação da audição (barulhos e conversas podem incomodar);
  • Sensação de aumento do peso e calor corporal.

Cuidados a ter antes da sedação

No dia da sedação o paciente deve:

  • Usar roupas largas, principalmente nas regiões do pescoço, cintura e braços;
  • Esvaziar a bexiga para evitar diurese durante o procedimento;
  • Remover próteses removíveis (quando for o caso);
  • Não ingerir nenhum alimento sólido ou líquido no período de 2 horas antes da sedação para evitar vómitos e complicações.
Shares
Share This
× Precisa de ajuda?