Categoria: Cirurgia Oral

Autores: Duarte F., Santos JD., Afonso A., Ramos C., Fernandes G.

Referência: STOMA 2004; 73:4-11
ISSN: 0870-4287

Resumo: A cirurgia de Caldwell-Luc foi inicialmente descrita na parte final do sec. XIX como uma técnica para remover infecção e mucosa doente do seio maxilar através da fossa canina, estabelecendo drenagem intranasal através do meato inferior. Este tipo de cirurgia foi realizado inúmeras vezes no século passado, no entanto a sua utilização tem vindo a crescer nos últimos 20 anos. O tratamento médico das alergias e infecções do seio maxilar têm aumentado e as técnicas de cirurgia endoscópica para abordagem do seio maxilar têm provado ser seguras e efectivas na grande maioria dos pacientes que requerem intervenção cirúrgica.
Adicionalmente, vários estudos retrospectivos têm mostrado elevadas taxas de complicações com esta técnica. Estudos recentes têm no entanto ilustrado o benefício histológico na remoção completa da mucosa afectada, assim como uma melhor recuperação dos pacientes com mínima morbilidade resultado da utilização de uma técnica mais segura. Poderá dizer-se que a técnica de Caldwell-Luc é segura e efectiva, e deverá ser mantida como opção na abordagem do seio maxilar.
Um paciente do sexo feminino com 61 anos foi referida para a nossa clínica possuindo uma história médica de 2 meses de sintomatologia do lado direito da face com sintomas de obstrução nasal e dor facial. A sua história médica não apresenta factos relevantes de registo, não toma qualquer tipo de medicação e é não-fumadora. Após ortopantomografia e tomografia axial computorizada um corpo-estranho foi detectado, sendo a técnica de Caldwell-Luc realizada para exérese do mesmo. O corpo-estranho foi analizado através de microscopia electrónica. Não existiram complicações pós-operatórias, a paciente realizou uma boa recuperação sem sinal de recidiva após um ano da data da intervenção cirúrgica a que foi submetida.

download

Shares
Share This
× Precisa de ajuda?